[Revista Digital] Você sabe como otimizar o aprendizado de vocabulário em Inglês? Márcia Bonamin

Uma demanda sempre recorrente em minhas aulas é: como ampliar o vocabulário. Pois é, essa é uma questão simples e ao mesmo tempo complexa. Eu disse complexa, não complicada. Se você já estiver frequentando um curso de Inglês, já deve estar familiarizada/o com os tópicos aprendidos em aula. Pode ser, também, que lhe tenham sido sugeridos outros materiais para estudo extra. Isso já ajuda bastante. A exposição constante à língua, seja escrita ou oral, auxilia na memorização.
Quero chamar a atenção tanto aos que estão em curso, quanto àqueles que não têm tido contato com a língua ultimamente, ao ponto principal que trataremos: ser eficiente. E o que isso significa? Em poucas palavras, trata-se de concentrar a atenção ao que é realmente necessário e otimizar o tempo. Como?
Basicamente, há quatro fatores principais que você deve se atentar: a relação entre o tempo que tem disponível, seus recursos financeiros, sua meta e em quanto tempo quer atingi-la. Por exemplo: posso me dedicar 4 horas por semana, gastando 10% do meu salário, para obter um vocabulário adequado para compreender notícias e relatórios em língua inglesa, em 6 meses. Algumas vezes, você irá precisar investir em materiais ou aulas para atingir seu objetivo. Entretanto, às vezes nem é preciso ter gastos: a Internet é um repositório incrível de conteúdo gratuito.
Lembre-se de que não estamos falando em aprender a língua em suas quatro habilidades (ler, escrever, falar e ouvir). Estamos tratando de melhorar seu vocabulário em uma (como no exemplo acima) ou em todas as habilidades.
Então, vamos à parte prática. Primeiramente, responda a essas questões:
(a) Que tipo de vocabulário você precisa aprender (para recepcionar estrangeiros, entender conversas telefônicas, ler notícias, escrever e-mails)?
(b) Que material irá utilizar para adquirir esse conhecimento (livros, Internet, aulas)?
(c) Como irá praticar?

Novamente, chamo atenção para o “foco”. Tenha foco em sua meta e vá aos poucos. O segredo? Praticar a habilidade (leitura, escrita, aspectos orais) que faz parte da sua meta.
(a) Primeiramente, selecione vídeos, áudios ou sites de notícias, dependendo do que quer aprender.
(b) Leia, ouça ou assista a uma ou duas vezes para ter uma ideia geral. Em caso de vídeos ou áudios, procure aqueles que tenham transcrição.
(c) Na terceira vez, atente-se aos detalhes. Se for um vídeo ou áudio, ouça em partes para melhor compreensão. Se for um texto, transcreva a ideia geral de cada parágrafo.
(d) Em caso de vídeos ou áudios, ouça novamente, seguindo com o texto.
(e) Agora, é hora de selecionar o vocabulário principal do texto. Lembre-se que o vocabulário principal não é aquele que você não entendeu e teve que buscar no dicionário, mas aquele que remete ao assunto principal do texto escrito ou oral (que pode ser uma palavra, uma expressão ou uma frase) e que se repetem em diferentes textos.
(f) Então, vamos fazer um glossário com essas palavras. Use os tópicos abaixo.
Palavra ou expressão Tradução Exemplo no texto Tradução

Vou dar um exemplo prático. Imagine que você queira aperfeiçoar seu vocabulário sobre notícias da área de finanças. Acessou a Internet e já selecionou os sites que contêm essas notícias. Então, percebeu que as palavras que se relacionam ao assunto são: grow, company, quarter, sale, market share. Então, anotou todas em seu glossário, como no exemplo abaixo.

Palavra
ou expressão Tradução Exemplo no texto Tradução
market share participação de mercado Sony’s Market share reached 10%.

Intel wants to increase its market share. A participação de mercado da Sony chegou a 10%

A Intel quer aumentar sua participação de mercado,

É importante que você verifique, antes de anotar o termo, se se trata de um verbo, substantivo ou adjetivo pois, algumas vezes, as palavras têm traduções diferentes dependendo de sua categoria gramatical. Traduza a partir do contexto.
(g) Finalmente, com base no seu tempo disponível, alterne as semanas: uma ouvindo ou lendo novos materiais e anotando vocabulário novo e outra revendo material antigo e completando seu glossário com outros exemplos dos mesmos termos e/ou com frases ou expressões que você mesmo/a criou.
Uma nota importante para aqueles que estudam de modo autônomo: a prática da escrita exige um pouco mais de acompanhamento externo, pois não é somente uma questão de tradução, mas de adequação ao sistema linguístico do Inglês. Procure então se familiarizar com o vocabulário de um relatório ou de uma carta comercial e, para iniciar, siga um modelo. Entretanto, é importante que você consiga um feedback externo também, certo?
Em suma, para adquirir e memorizar vocabulário é necessário concentrar-se no que é realmente importante e necessário e ler, ouvir ou assistir os mesmos tipos de textos, áudios ou vídeos por certo período de tempo. A repetição é ferramenta importante para a memória.
Selecionei, abaixo, alguns sites interessantes para começar:

Leitura com áudio e transcrição:

All Business English Podcast Lessons


Dá para baixar os áudios.
https://breakingnewsenglish.com/
A mesma notícia em vários níveis de proficiência. Tem exercícios.

Homepage


Site de notícias, também em vários níveis. Esse site também possibilita que você debata sobre o tópico através de grupos de discussão.

Conversação da área de negócios
http://www.bbc.co.uk/worldservice/learningenglish/business/tendays/day1dialoguegd.shtml
Esse link é de uma série de áudios produzidos pela BBC inglesa com vídeos, áudio e exercícios.

Nessa playlist há uma série de vídeos produzidos pela ABC Austrália sobre situações da área de negócios.

Bem, agora só falta você dar os primeiros passos. O segredo é: foco, disciplina e repetição significativa!

Good luck!

Marcia Costa Bonanim
Professora Língua Inglesa Ensino Superior
Mestre em Linguística Aplicada ao
Ensino de Línguas–PUCSP
Ex-Secretária Executiva Bilíngue
E-mail: bonamin@uol.com.br

%d blogueiros gostam disto: