Pin It

[Revista Digital] Uma cozinha bem decorada = uma cozinha dos sonhos | Fabiana Santana

Por muito tempo, as cozinhas foram brancas. Ao longo dos últimos anos, surgiu uma preocupação com a decoração desse ambiente que, cada vez mais pensadas e com estilo próprio, além de funcionais e inteligentes, o gosto por gastronomia influenciou e caiu no popular, fazendo a cozinha deixar de ser um sacrifício, tornando esse espaço um dos mais queridinhos da casa.

Uma cozinha pode ser feita de várias maneiras: estritamente funcional, rústica com madeiras tradicionais, minimalista com linhas simples e tons neutros, futurista com destaque para o design e tecnologia, etc. O objetivo é conseguir um espaço que cumpra os requisitos básicos, aliados ao conforto.

Esse ambiente passou a ser um ponto de convívio. A cozinha requer cores quentes e alegres: os amarelos, laranjas e vermelhos são cores que estimulam o apetite, são fontes de energia e de bem-estar. O branco é, como todos sabemos, intemporal, sendo sempre uma escolha acertada, porque, além de transmitir um ambiente de limpeza e ordem, empresta maior amplitude à divisão e pode facilmente ser conjugada com outros tons.

A maioria das paredes de uma cozinha está ocupada com armários e eletrodomésticos e, por isso mesmo, terá que aproveitar o que resta da melhor forma possível. Seja tinta, papel de parede, azulejo ou madeira, dê vida à sua cozinha com cores surpreendentes, repletas de arte e fotografias ou transforme-a num quadro magnético ou de giz para as receitas preferidas, os recados, imãs divertidos e outros.

Porque é na cozinha que se juntam milhares de combinações de ingredientes que, magicamente, se transformam em verdadeiras obras de arte. Opte pelo piso de cerâmicas, autonivelantes, madeiras ou pedras – existem numa enorme variedade de cores e padrões e são de fácil manutenção. No entanto, os tapetes são bons para enfeitar o chão. Em cores bonitas e combinando com o restante da decoração, dão logo outra vida à cozinha, e também facilitam se forem colocados junto ao fogão e a máquina de lavar louça para salvar o chão. Para criar um ambiente mais intimista na hora das refeições, um bonito tapete sob a mesa é a solução perfeita. E, para mudar de visual, é só retirá-los por uns tempos.

Os armários são o mobiliário-chave de qualquer cozinha, proporcionando-lhe o seu aspecto global… Daí que têm de ser visualmente atraentes (e, se resistirem às dedadas, ainda melhor!). O post-forming (material sintético que imita madeira, ardósia ou xisto, econômico e com grande durabilidade disponível em vários padrões e textura, até imitação de madeira!) é o material mais econômico e, mesmo assim, muito atraente; o MDF é um excelente substituto da madeira maciça, com os mesmos níveis de qualidade e de manutenção, e pode ser pintado à cor da sua escolha; o vidro é um elemento que, integrado numa cozinha, cria logo um efeito mais leve, no entanto, deve ser utilizado com moderação; o lacado apresenta uma boa relação preço-qualidade e não faltam cores a escolher; a madeira fica sempre bem e, apesar de ser a opção mais cara, revela-se um investimento em longo prazo (para um look dramático, escolha uma madeira wengé). Se procura ideias econômicas, porque não pintar os velhos armários brancos, de preto ou azul-escuro, ou simplesmente renovar os puxadores.

Não descuide da escolha do material da bancada: uma superfície que vai parecer um autêntico cenário de guerra que, por isso, tem de ser acima de tudo multirresistente. Pode escolher entre o post-forming; pedra (uma das opções mais populares, é resistente mas também das mais caras); madeira (fica muito bonito, mas estraga-se facilmente e exige muita limpeza); laminados (excelente relação qualidade-estética-preço); resinas sintéticas (a grande tendência, pois oculta as junções entre as várias peças que compõem a bancada, mas tem um custo elevado).

Os eletrodomésticos são os melhores amigos de qualquer cozinheiro ou de uma simples dona-de-casa. Se possível, coloque o fogão/placa junto de uma janela para uma maior extração de fumos e odores; a máquina de lavar louça deve estar o mais próximo possível da pia, para facilitar o transporte da louça suja; indispensável, o micro-ondas deve estar sempre elevado para não ocupar o espaço precioso da bancada; lembre-se que a geladeira e o freezer têm portas grandes, ou seja, necessitam de bastante espaço para abrirem.

Antes de escolher um conjunto de mesa e cadeiras, considere o espaço disponível, quantas cadeiras vai precisar para aproveitar o que já tem, pinte a mesa e as cadeiras ou embeleze-as com capas apropriadas ou assentos confortáveis e laváveis.

Uma boa luz de teto na bancada e debaixo dos armários superiores permite uma maior iluminação do local de confecção dos pratos e luz no interior dos armários, e tem um efeito decorativo muito agradável, assim como sobre a mesa de refeições.

Um armário antigo que herdou da sua avó com uma boa camada de tinta, pode tornar-se toda a fonte de inspiração da sua decoração. São muitas ideias, inspire-se e procure aquela que é a sua cozinha dos sonhos.

Fabiana Santana

Design de Interiores

Cel.: (21) 9-9875-4895

E-mail: fabisantana81@hotmail.com

www.facebook.com/fabianasantanainteriores

(Visited 6 times, 1 visits today)
%d blogueiros gostam disto: